Envelhecer é POP

Atualizado: 12 de jul.

Diversidade não é somente uma palavra que está na moda. Ela tem uma importância social enorme: entender, aceitar e acolher as pessoas como elas são. Dentro dos temas debatidos no contexto da diversidade, ao redor do mundo, cada vez mais aparecem as questões ligadas à longevidade.


Estamos vivendo um momento de inversão da pirâmide geracional em todo o mundo. E isso é uma excelente notícia! Mas não adianta somente viver mais. Precisamos viver com bem-estar e qualidade de vida. Mas estes são atributos subjetivos: o que eu posso valorizar pra minha qualidade de vida, pode não ser o mesmo que você valoriza. Cada pessoa é única! Mas há pessoas que podem ter interesses em comum e perfis parecidos.

O autoconhecimento é o início para promovermos ações para construção do nosso bem-estar seja ele em que fase da vida estejamos.

Se vamos viver mais, vamos nos preparar para isso!


Em um de seus conteúdos a plataforma Gente.Globo (https://gente.globo.com/infografico-pesquisa-diversa-idade-um-olhar-aprofundado-sobre-a-maturidade/ ) nos traz um interessante estudo sobre os vários perfis e comportamentos dos idosos no nosso país. Nós da Hug50+ nos identificamos com o perfil AGREGADORES.


Veja abaixo em qual perfil apresentado pelo estudo, você se identifica!


"Autossuficientes: Gerenciam a própria rotina e sabem concretizar seus sonhos, além de desfrutar da sua própria companhia e serem perfeccionistas. Este é um perfil demograficamente mais jovem, entre 50 e 54 anos, solteiros ou divorciados.

Visão geral: está tudo certo, vamos em frente.


Sábios: São casados ou moram com o parceiro. Aposentados, possuem renda mensal mais alta do que a média. Perfil concentrado no gênero masculino, com idade entre 50 e 54 anos. Visão geral: valho pelo que sei, pelo que vivi e pelo que acumulei.


Agregadores: Mantêm laços afetivos e pensam a rotina no coletivo. São altruístas, multitarefas e possuem famílias maiores. Perfil mais maduro, com idade entre 65 e 74 anos, concentrado em mulheres.

Visão geral: o sentido da vida está nas relações com os outros.


Cuidadores: Chamada de “geração sanduíche”, gerenciam os problemas familiares e muitas vezes se sentem invisíveis, sem espaço e individualidade. Este é um perfil majoritariamente feminino, com idade entre 55 e 64 anos.

Visão geral: carinho, afeto e generosidade.


Exploradores: que gostam de se relacionar com diferentes grupos e aprender novas habilidades. Estes são curiosos e abertos para novas experiências. Costumam não ter filhos e, em sua maioria, são mulheres com idades entre 55 e 65 anos.

Visão geral: Velhice e ousadia combinam, sim.


Em pausa: estão evitando novas responsabilidades e cobranças. O perfil é de pessoas entre 65 e 74 anos, viúvos, moram sozinhos e já perderam os pais.

Visão geral: me deparei com a velhice e parei para pensar.


Compartilhar conteúdo relevante sobre o envelhecimento é um dos nossos valores






60 visualizações2 comentários

Posts recentes

Ver tudo